A Nova Acrópole levou a cabo um colóquio sobre o tema “Consciência e Imortalidade: da antiguidade à ciência moderna” no auditório da Casa da Cultura de Coimbra e que contou com as intervenções: “Consciência e cérebro: o que têm em comum?” por José Ramos; “Experiência de quase morte: no limiar da consciência física” por João Ferro; “Os 7 véus da consciência” por Françoise Terseur; “Prometeu e o mito da consciência ígnea” por Ricardo Louro Martins.