No passado dia 9 de Novembro ocorreu na Biblioteca de Sao Lázaro em Lisboa pelas 15 horas, mais uma actividade inserida na Oficina de Clássicos, desta vez “Meditações” de Marco Aurélio apresentado pela formadora e voluntária da Nova Acrópole, Selma Nascimento.

Partindo desta Obra várias reflexões foram surgindo, assentes em pressupostos como a importância das Virtudes que estão presentes em cada um de nós, a vivência de um Ideal, o Ideal da Natureza, o despertar para ser Filósofo e a Filosofia como mística em acção, tendo sido também focado o poema de Gratidão que surge no início desta Obra, entre muitos outros.

Após uma exposição dos valores e pressupostos de Marco Aurélio e da sua Obra foi sugerido uma reflexão em grupo a partr de algumas frases do Autor. De onde surgiram grupos que se identificaram com uma virtude como: tolerância, altruísmo, preserverança, discernimento, plenitude, curiosidade, dádiva, fraternidade e resiliência e onde foi possível pensar, reflectir e dar aso a uma tertúlia filosófica acerca da aplicação desta Obra aos nossos dias.