«Não há demasiadas verdades, apenas um pequeno número. O seu significado é demasiado profundo para que apenas se possa captar sob a forma de símbolos.» G. Jung – Liber Novus

Dia 1/9 | Sábado | 10h a 13h

Por Laura Winckler
Escritora, filósofa e especialista em Jung

Saiba mais sobre Laura Winckler aqui.

LocalNova Acrópole de Lisboa
Participação: 30€ (20€ para Membros da NA) para pagamentos até 15/8
40€ (30€ para Membros da NA) para pagamentos depois de 15/8

Inscrições através do email:  até dia 27/8
Lugares limitados

Inscrições através do email:  até dia 27/8
Lugares limitados

(A inscrição será válida após pagamento de 50% do valor do seminário e apresentação de comprovativo para o email indicado. Transferência Bancária para o NIB 0033 0000 45373264268 05).

«O majestoso libro vermelho o Liber Novus do Psicanalista C. G. Jung foi guardado secretamente num cofre do banco durantes cinquenta anos. Trata-se de uma obra caligrafada, com iluminações e ilustrações da sua mão.

O livro vermelho foi elaborado entre 1914 e 1930 por C.G. Jung (1875  – 1961) que, por volta dos seus cinquenta anos, enquanto atravessava um período de incerteza interior, consigna os seus sonhos e as suas visões, no que se tornaria uma das obras mais importantes da história da psicologia.

É uma imponente obra de sete quilos encadernada, em coro vermelho. Este texto caligrafado à maneira medieval, oferece um olhar surpreendente sobre o trabalho pessoal do psicanalista durante este período que foi o mais importante da sua vida. O autor dirá que as notas tomadas e transcritas nesta obra contêm o gérmen de toda a sua investigação posterior da psicologia analítica.»